Gestão Inovação

Como sobreviver em um mercado que gira muito rápido?

capa-post-mercado-volátil

Você sabia que de cada 4 empresas abertas no Brasil, uma fecha antes de completar 2 anos no mercado? O número preocupante foi revelado por um relatório do Sebrae e ilustra bem a dificuldade de novos negócios sobreviverem no cenário brasileiro.

Há várias justificativas para essa falta de sucesso: o excesso de burocracias, o orçamento apertado, a crise econômica. 

Mas um fator que não pode ser deixado de lado é o fato de que o mercado gira rápido demais. E, na era da informação, essas mudanças vão continuar acontecendo.

Sendo assim, como sobreviver?

Prever o futuro é difícil, mas existem algumas maneiras de se prevenir, como ter um bom plano de negócios, observar a concorrência, encantar os consumidores e, sobretudo, inovar. 

É sobre esses pontos — e algumas outras dicas para sobreviver em um mercado que gira muito rápido — que falaremos neste post.

Boa leitura!

Tenha um modelo e um plano de negócios

Muitas empresas lançam um produto ou serviço sem saber a quem se destina. Qual o seu público-alvo? Qual problema o seu produto ou serviço ajuda a solucionar? E qual a quantia necessária para fazer a roda girar? 

Parece algo básico, mas muitas empresas lançam seus produtos ou serviços no mercado movidas pelo impulso, sem um modelo de negócios definido e um plano de negócios bem estruturado.

Essas duas estratégias se complementam. O modelo de negócios, cuja metodologia mais famosa é o Business Model Canvas, permite analisar as oportunidades de negócio e validá-las para descobrir se realmente há gente interessada no que você tem para oferecer.

O plano de negócios, por sua vez, é o documento em que você apresenta de forma objetiva o negócio que quer conceber, demonstrando de maneira detalhada a sua visão, missão, objetivos, plano operacional, plano de marketing e plano financeiro. 

Como gostamos de dizer aqui na Zucchi, “o alvo define o método e atrai o recurso”. Isso quer dizer que, com um objetivo claro, fica mais fácil saber como fazer e, então, atrair interessados.

Modelos e planos de negócio bem estruturados serão as bases firmes que vão fazer com que sua empresa sobreviva em um mercado que muda rapidamente.

Quer saber mais? Falamos com mais detalhes sobre plano de modelo de negócios nos posts:

Precifique corretamente no seu mercado

Você precifica seus produtos e serviços corretamente?

Preços muito altos podem acabar com sua competitividade no mercado. Preços baixos demais, por outro lado, são prejudiciais ao seu faturamento. Sendo assim, como chegar ao preço ideal?

Para fazer isso é preciso equilibrar algumas variáveis, como o custo, a concorrência e a demanda. Também é necessário conhecer os seus custos de produção e definir uma margem de lucro.

Para ajudar você nesse trabalho, a Zucchi criou a planilha Como precificar produtos e serviços?. Baixe gratuitamente!

Fique de olho nas finanças

A falta de controle financeiro está entre os principais motivos pelos quais empresas não sobrevivem no mercado.

Empréstimos, juros, dívidas e o consequente fechamento das portas são elementos comuns na história de muitos empreendedores.

Como fugir dessa estatística? 

Para começo de conversa, é preciso usar ferramentas de controle, como um sistema de gestão (ERP). Essa ferramenta ajuda a obter informações como os gastos fixos, os variáveis e os que variam de acordo com a produção. 

Sabendo o que entra e o que sai fica mais fácil avaliar, remanejar e até fazer cortes, se necessário. 

Para mais dicas, leia o post Controle financeiro para ter mais lucratividade.

Encante os consumidores

Você sabia que 68% dos clientes brasileiros dizem que pagariam mais por um produto ou serviço caso recebessem um bom atendimento?

O dado, retirado da pesquisa Estado do atendimento no Brasil, mostra que oferecer um bom atendimento é uma oportunidade de encantar seus clientes e lucrar mais. Mas não é só isso.

Na atualidade, consumidores mais exigentes e com facilidade de avaliar a empresa usando a internet têm feito negócios se preocuparem cada vez mais em oferecer um atendimento de excelência. 

Em redes sociais e sites como o ReclameAqui, críticas podem ser amplificadas e acabar com a reputação de empresas.

Por isso, além de oferecer bons produtos e serviços, é essencial investir num atendimento humanizado, de qualidade, com atendentes preparados para tirar todas as dúvidas e ferramentas que ajudem nesse trabalho — alguns exemplos são Zendesk e Movidesk. 

É algo que vai contribuir para sua sobrevivência no mercado!

Terceirize algumas atividades

Terceirizar consiste em contratar uma empresa ou profissional autônomo para executar atividades. 

Fazer isso com aquelas tarefas que não são a sua atividade-fim é uma maneira de conseguir focar no que mais interessa para o seu negócio.

Estas são algumas atividades que você pode terceirizar:

  • alimentação;
  • limpeza;
  • segurança;
  • manutenção de máquinas, frotas de veículos e transporte;
  • serviços jurídicos;
  • serviços de assistência médica;
  • serviços de telefonistas e serviços de recepção;
  • serviços de digitação e de processamento de dados;
  • distribuição de produtos;
  • e muitos outros.

Quer saber mais? Leia o post Terceirização: a inovação tornando sua empresa especialista no que é.

Inove

Por último, mas não menos importante, nossa dica para se manter em um mercado que muda rápido é buscar inovação.

Por meio dela é possível olhar para dentro de uma empresa que já existe e otimizar a gestão, os produtos e serviços oferecidos, o atendimento. 

Também dá para incluir a inovação desde a criação da empresa, na validação do negócio, por exemplo.

E não se trata de algo voltado só para o mercado da tecnologia. Quando uma empresa agrega valor e gera uma experiência diferente ao cliente, ela está inovando, independentemente do segmento.

Aqui na Zucchi, acreditamos que uma boa maneira de sobreviver no mercado é por meio da inovação. E fazemos isso ouvindo o cliente, entendendo suas dores reais e propondo soluções assertivas.

Para isso, desenvolvemos um projeto chamado Ciclo Z de Inovação. Por meio dele é possível gerar inovação que resulte em riqueza para a organização. 

Quer saber mais? Entre em contato com a gente ou deixe um comentário que respondemos para você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *